Errata - 2ª Edição do Guia de Aves

Página 1 de 5 1, 2, 3, 4, 5  Seguinte

Ir em baixo

Errata - 2ª Edição do Guia de Aves

Mensagem por Tissot em Sex Out 05, 2012 6:59 pm

Boas,

Lanço este tópico com a finalidade de reportar erros, gralhas ou omissões que possam ser encontrados na novíssima 2ª edição do Guia de Aves da Assírio & Alvim.
Antes de mais quero salientar que estou muito satisfeito por poder trocar finalmente o meu guia de campo Collins Bird Guide por esta versão em português (nunca consegui obter a esgotadíssima 1ª edição). Também quero agradecer à editora e à equipa da SPEA que tiveram, desde a primeira edição, a tarefa monumental de produzir, traduzir e adaptar este extraordinário guia para Portugal.
Este tópico não é original, no Birdforum existe um tópico semelhante em http://www.birdforum.net/showthread.php?t=162758 e que ultrapassa já os 300 post, com vários contributos e debates, inclusive com a participação de Killian Mullarney, um dos autores da obra.
Este tópico não tem como finalidade criticar o excelente trabalho efectuado apontando gralhas que possam corresponder a uma ínfima parte do total da obra. A minha motivação é outra. Comecei a verificar algumas gralhas quando comecei a passar as minhas anotações da versão inglesa para a versão portuguesa, no que se refere ao estatuto das espécies em Portugal. Julgo que poderá ser um contributo interessante reportar os erros, gralhas ou omissões, quer para futuras edições, quer para lançar alguns debates interessantes no fórum e, desculpem o egoísmo, para que possa enriquecer o meu novo guia com anotações. Smile

Seguem as possíveis gralhas que detectei, enquadradas no parco conhecimento que tenho sobre a nossa avifauna e do dos pressupostos que atribuem o estatuto de cada espécie em Portugal. Fico igualmente à espera das críticas relativamente às minhas observações.

Pág. 104. Tartaranhão-pálido (Circus macrourus). Estatuto em Portugal: “-“. Proposta de correcção: Ac/-/- (partindo do pressuposto que o CPR já tenha homologado algumas das observações)
Pág. 114. Peneireiro-cinzento (Elanus caeruleus). Estatuto em Portugal: “-“. Proposta de correcção (só para fenologia, não me atrevo a classificar a sua abundância!): R/-/-
Pág. 140. Borrelho-pequeno-de-colar-ruivo (Charadrius mongolus). Estatuto em Portugal: “-“. Proposta de correcção: Ac/-/-
Pág. 144. Tarambola-dourada-siberiana (Calidris bairdii). Estatuto em Portugal: “-“. Proposta de correcção: Ac/-/-
Pág. 164. Pilrito-de-bico-fino (Pluvialis fulva). Estatuto em Portugal: “-/Ac/- “. Proposta de correcção: Ac/Ac/-
Pág. 196. Gaivota-das-pradarias (Larus pipixcan). Estatuto em Portugal: “-/-/Ac “. Proposta de correcção: Ac/-/Ac
Pág. 202. Garajau-pequeno (Sterna bengalensis). Estatuto em Portugal: “-“. Proposta de correcção: Ac/-/-
Pág. 236. Andorinhão-pequeno (Apus affinis). Estatuto em Portugal: “V***“. Proposta de correcção: Ac/Ac/-
Pág. 248. Cotovia-escura (Galerida theklae). Estatuto em Portugal: “-“. Proposta de correcção (só para fenologia): R/-/-
Pág. 260. Andorinha-dáurica (Cecropis daurica). Estatuto em Portugal: “-“. Proposta de correcção (só para fenologia): E MP/Ac/Ac MP
Pág. 262. Petinha-de-blyth (Anthus godlewskii). Estatuto em Portugal: “-“. Proposta de correcção: Ac/-/-
Pág. 280. Rabirruivo-mourisco (Phoenicurus moussieri). Estatuto em Portugal: “-“. Proposta de correcção: Ac/-/-
Pág. 288. Chasco-de-barrete-branco (Oenanthe leucopyga). Estatuto em Portugal: “-“. Proposta de correcção: Ac/-/-
Pág. 292. Cartaxo-asiático (Saxicola torquatus maurus et al). Estatuto em Portugal: “V*“. Proposta de correcção: -
Pág. 330. Felosinha-ibérica (Phylloscopus ibericus). Estatuto em Portugal: “-“. Proposta de correcção (só para fenologia): E MP/-/-
Pág. 352. Picanço-real (Lanius excubitor). Estatuto em Portugal: “R2/-/-“. Proposta de correcção: -
Pág. 352. Picanço-real(-meridional) (Lanius meridionalis). Estatuto em Portugal: “-“. Proposta de correcção: R2/-/-. (aqui parece ter havido uma troca na atribuição do estatuto entre estes dois picanços?)
Pág. 366. Gralha-cinzenta (Corvus cornix). Estatuto em Portugal: “-)“. Proposta de correcção: Ac/-/- (partindo do pressuposto que o CPR já tenha homologado algumas das observações)
Pág. 390. Trombeteiro (Bucanetes githagineus). Estatuto em Portugal: “-“. Proposta de correcção: Ac/-/-
Pág. 413. Narceja-de-wilson (Gallinago delicata). Estatuto em Portugal: “-“. Proposta de correcção: Ac/-/-
Pág. 424. Periquito-rabijunco (Psittacula krameri). Estatuto em Portugal: “-“. Proposta de correcção (só para fenologia): Int/Int/-
Pág. 425. Tecelão-de-cabeça-preta (Ploceus melanocephalus). Estatuto em Portugal: “Ac“. Proposta de correcção (só para fenologia): Int/-/-
Pág. 425. Arcebispo (Euplectes afer). Estatuto em Portugal: “-“. Proposta de correcção (só para fenologia): Int/-/-
Pág. 426. Capuchinho-tricolor (Lonchura malacca). Estatuto em Portugal: “-“. Proposta de correcção (só para fenologia): Int/-/-

Matthias
avatar
Tissot

Número de Mensagens : 1180
Idade : 45
Local : Amadora-Alfragide
Data de inscrição : 06/04/2009

http://www.flickr.com/photos/matthiastissot/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Errata - 2ª Edição do Guia de Aves

Mensagem por pedro121 em Ter Out 09, 2012 3:48 am

Boas,

Como não comprei a edição em Português isto vai ser um pouco de navegação á vista.


Tissot escreveu:
Pág. 104. Tartaranhão-pálido (Circus macrourus). Estatuto em Portugal: “-“. Proposta de correcção: Ac/-/- (partindo do pressuposto que o CPR já tenha homologado algumas das observações)

Não homologou ainda, mas sim é só uma questão de tempo.


Tissot escreveu:Pág. 114. Peneireiro-cinzento (Elanus caeruleus). Estatuto em Portugal: “-“. Proposta de correcção (só para fenologia, não me atrevo a classificar a sua abundância!): R/-/-

Não está como R?


Tissot escreveu:Pág. 140. Borrelho-pequeno-de-colar-ruivo (Charadrius mongolus). Estatuto em Portugal: “-“. Proposta de correcção: Ac/-/-

Eu mudava era o nome...


Tissot escreveu:Pág. 144. Tarambola-dourada-siberiana (Calidris bairdii). Estatuto em Portugal: “-“. Proposta de correcção: Ac/-/-
Pág. 164. Pilrito-de-bico-fino (Pluvialis fulva). Estatuto em Portugal: “-/Ac/- “. Proposta de correcção: Ac/Ac/-

Aqui foste tu que trocaste os nomes em latim, ou está mesmo assim no guia??



Tissot escreveu:Pág. 352. Picanço-real (Lanius excubitor). Estatuto em Portugal: “R2/-/-“. Proposta de correcção: -
Pág. 352. Picanço-real(-meridional) (Lanius meridionalis). Estatuto em Portugal: “-“. Proposta de correcção: R2/-/-. (aqui parece ter havido uma troca na atribuição do estatuto entre estes dois picanços?)

Uiii, esta é grave, alguém se enganou.




avatar
pedro121

Número de Mensagens : 12067
Idade : 43
Local : Obidos
Data de inscrição : 14/02/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Errata - 2ª Edição do Guia de Aves

Mensagem por Tissot em Ter Out 09, 2012 7:20 am

pedro121 escreveu:


Tissot escreveu:Pág. 144. Tarambola-dourada-siberiana (Calidris bairdii). Estatuto em Portugal: “-“. Proposta de correcção: Ac/-/-
Pág. 164. Pilrito-de-bico-fino (Pluvialis fulva). Estatuto em Portugal: “-/Ac/- “. Proposta de correcção: Ac/Ac/-

Aqui foste tu que trocaste os nomes em latim, ou está mesmo assim no guia??


Começa mal ter que fazer uma errata da errata. Tens razão troquei os nomes científicos.

Deveria ler-se:

Pág. 144. Tarambola-dourada-siberiana (Pluvialis fulva). Estatuto em Portugal: “-“. Proposta de correcção: Ac/-/-
Pág. 164. Pilrito-de-bico-fino (Calidris bairdii). Estatuto em Portugal: “-/Ac/- “. Proposta de correcção: Ac/Ac/-

Matthias
avatar
Tissot

Número de Mensagens : 1180
Idade : 45
Local : Amadora-Alfragide
Data de inscrição : 06/04/2009

http://www.flickr.com/photos/matthiastissot/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Errata - 2ª Edição do Guia de Aves

Mensagem por Tissot em Ter Out 09, 2012 6:15 pm

Boas,

Mais algumas observações...

Pág. 46. Olho-dourado-de-touca (Bucephala albeola). Estatuto em Portugal: “-/-/-“. Proposta de correcção: Ac/-/- (nota: existe pelo menos uma observação homologada para Portugal continental em 1993).
Pág. 50. Tetraz-real (Tetrao urogallus). Estatuto em Portugal: “-“. Proposta de correcção: Ext/-/-.
Pág. 66. Mergulhão-de-faces-brancas (Podiceps grisegena). Omissão do estatuto em Portugal. Proposta de correcção: - .
Pág. 68. Pardela-de-barrete (Puffinus gravis). Estatuto em Portugal: “P4“. Proposta de correcção (só para fenologia): MP/ MP / MP (nota: mantiveram o estatuto da versão britânica).
Pág. 80. Garçote-comum (Ixobrychus minutus). Estatuto em Portugal: “E3/Ac/Ac“. Proposta de correcção: E3I5/Ac/Ac. (nota: neste caso acho que também poderia ser considerada invernante rara ou ocasional).
Pág. 82. Papa-ratos (Ardeola ralloides). Estatuto em Portugal: “E5/Ac/Ac“. Proposta de correcção: E5I5/Ac/Ac. (nota: neste caso acho que também poderia ser considerada invernante rara).
Pág. 82. Garça-branca-grande (Casmerodius albus). Estatuto em Portugal: “I5/Ac/-“. Proposta de correcção: I5MP5/Ac/-. (nota: neste caso acho que também poderia ser considerada migradora de passagem rara).
Pág. 84. Cegonha-branca (Ciconia ciconia). Estatuto em Portugal: “EI3MP1/-/Ac“. Neste caso faltou caracterizar a abundância para os indivíduos presentes na época estival.
Pág. 86. Ibís (Plegadis falcinellus). Estatuto em Portugal: “MP4/Ac/Ac“. Proposta de correcção: I4MP4/Ac/Ac. (nota: neste caso acho que também poderia ser considerada invernante pouco comum).
Pág. 122. Sacre (Falco cherrug). Estatuto em Portugal: “-“. Proposta de correcção: Ac/-/-. (nota: existe pelo menos um registo homologado para Portugal continental em 2009).
Pág. 178. No canto inferior esquerdo, na figura relativa à topografia de gaivotas, está indicada uma legenda com “parte exterior das asas (ou “braço”)", deveria estar “parte interior das asas (ou “braço”)".
Pág. 222. Bufo-mourisco (Bubo ascalaphus). Estatuto em Portugal: “R4/-/-“. Proposta de correcção: - . (nota: aqui parece que houve duplicação do estatuto relativamente à ave anterior no guia, o Bufo-real).
Pág. 236. Andorinhão-cafre (Apus caffer). Estatuto em Portugal: “E5/-/-“. Proposta de “E5/-/Ac“. (nota: não sei se poderá igualmente ser considerada acidental na Madeira?).
Pág. 290. Chasco-do-deserto (Oenanthe deserti). Estatuto em Portugal: “-/-/Ac“. Proposta de correcção: Ac/-/Ac. (nota: existe pelo menos um registo homologado para Portugal continental em 2008).
Pág. 320. Felosa-agrícola (Acrocephalus agricola). Estatuto em Portugal: “ac/-/-“. Neste caso deveria estar Ac e não ac.
Pág. 331. Na legenda colocada para a figura de comparação com a Felosinha está indicado “FELOSINHA-MUSICAL”, deveria estar FELOSA-MUSICAL. Na mesma Felosa-musical, na caracterização da listra superciliar está indicado “distints”, deveria estar distinta.
Pág. 409. Pelicano-cinzento (Pelecanus rufescens). Estatuto em Portugal: “-/-/-“. Proposta de correcção: FC ou Ac/ - / - . (nota: existe pelo menos uma observação homologada para Portugal continental em 2001).

Na secção Espécies nidificantes introduzidas e espécies registadas apenas como fugas de cativeiro (pp. 422-26), poderiam de futuro ser introduzidas novas espécies como por exemplo: Mainato-de-poupa (Acridotheres cristatellus), Cacho-caldeirão (Ploceus cucullatus), entre outras…

Matthias
avatar
Tissot

Número de Mensagens : 1180
Idade : 45
Local : Amadora-Alfragide
Data de inscrição : 06/04/2009

http://www.flickr.com/photos/matthiastissot/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Errata - 2ª Edição do Guia de Aves

Mensagem por pedro121 em Qua Out 10, 2012 2:23 am

Tissot escreveu:
Pág. 82. Garça-branca-grande (Casmerodius albus). Estatuto em Portugal: “I5/Ac/-“. Proposta de correcção: I5MP5/Ac/-. (nota: neste caso acho que também poderia ser considerada migradora de passagem rara).

Não sei se faz sentido, elas não passam por Portugal com outro destino.



Tissot escreveu:Pág. 222. Bufo-mourisco (Bubo ascalaphus). Estatuto em Portugal: “R4/-/-“. Proposta de correcção: - . (nota: aqui parece que houve duplicação do estatuto relativamente à ave anterior no guia, o Bufo-real).

Very Happy Very Happy ou então sabem algo que não sabemos...e há ascalaphus a criar algures em Portugal Very Happy Very Happy

avatar
pedro121

Número de Mensagens : 12067
Idade : 43
Local : Obidos
Data de inscrição : 14/02/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Errata - 2ª Edição do Guia de Aves

Mensagem por Inocêncio Oliveira em Qua Out 10, 2012 4:00 am

Parabéns pelo tópico, acho a análise interessante, elucidativa e contribui para a valorização deste guia! Eu estive a apreciá-lo ontem na Fnac, o que me chamou a atenção foi a alteração da ordem das aves, neste guia começa pelos Cisnes e na minha 1ª edição são as Mobelhas, aliás como no meu velhinho guia de campo da Temas e Debates de John Gooders(1996) e num guia Inglês de Rob Hume e suponho que na maioria dos guias! Alguém sabe o porquê da alteração?
Já agora acho muito interessante a 1ªedição ter um segundo nome vulgar atribuído por (G. F. Sacarrão, A. A. Soares 1979) em "Nomes portugueses para as aves da Europa" mas isso é uma opinião pessoal discutível.
Acho que a qualidade deste guia merecia uma edição como em Espanha com as dimensões de 315 x 216 mm, 448 páginas e capa dura (eu comprava).
Continua com as observações Matthias, estás a fazer um bom trabalho!

Cumprimentos

Inocêncio Oliveira






avatar
Inocêncio Oliveira

Número de Mensagens : 240
Idade : 52
Local : Vila do Conde
Data de inscrição : 25/01/2012

http://birdsofportugal.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Errata - 2ª Edição do Guia de Aves

Mensagem por Carlos Vilhena em Qua Out 10, 2012 4:51 am

Viva,

Parabens pela paciência de fazer um "post" destes. Surprised
Penso que o estatuto da Narceja de Wilson Gallinago delicata nos Açores devia ser revisto também para invernante ou de passagem.


http://www.santohuberto.com/sh_conteudo.asp?id=1306

Cump

_________________
Carlos Vilhena
avatar
Carlos Vilhena

Número de Mensagens : 994
Local : Setúbal
Data de inscrição : 16/06/2007

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Errata - 2ª Edição do Guia de Aves

Mensagem por pedro121 em Qua Out 10, 2012 4:54 am

Inocêncio Oliveira escreveu: o que me chamou a atenção foi a alteração da ordem das aves, neste guia começa pelos Cisnes e na minha 1ª edição são as Mobelhas, aliás como no meu velhinho guia de campo da Temas e Debates de John Gooders(1996) e num guia Inglês de Rob Hume e suponho que na maioria dos guias! Alguém sabe o porquê da alteração?

A ordem tem mudado nos últimos tempos á medida que-se percebe melhor as relações entre os diferentes grupos, a 2ª edição foi até bastante conservadora nas alterações, alguns dos guias de campo para outras áreas geográficas foram muito mais radicais.

a questão em si mesma tem levantado alguma controvérsia, porque ter diferentes maneiras de ordenar as famílias em guias diferentes pode se tornar confuso e há que defenda um sistema independente do cientificamente correto que está sempre a mudar... Very Happy

http://www.birdforum.net/showthread.php?t=224133

avatar
pedro121

Número de Mensagens : 12067
Idade : 43
Local : Obidos
Data de inscrição : 14/02/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Errata - 2ª Edição do Guia de Aves

Mensagem por Luis Silva em Qua Out 10, 2012 6:04 am

Tissot escreveu:Boas,


Pág. 86. Ibís (Plegadis falcinellus). Estatuto em Portugal: “MP4/Ac/Ac“. Proposta de correcção: I4MP4/Ac/Ac. (nota: neste caso acho que também poderia ser considerada invernante pouco comum).

Matthias

Esta também já se reproduz cá

Luis Silva

Número de Mensagens : 492
Data de inscrição : 08/10/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Errata - 2ª Edição do Guia de Aves

Mensagem por Inocêncio Oliveira em Qua Out 10, 2012 10:42 am

pedro121 escreveu:
Inocêncio Oliveira escreveu: o que me chamou a atenção foi a alteração da ordem das aves, neste guia começa pelos Cisnes e na minha 1ª edição são as Mobelhas, aliás como no meu velhinho guia de campo da Temas e Debates de John Gooders(1996) e num guia Inglês de Rob Hume e suponho que na maioria dos guias! Alguém sabe o porquê da alteração?

A ordem tem mudado nos últimos tempos á medida que-se percebe melhor as relações entre os diferentes grupos, a 2ª edição foi até bastante conservadora nas alterações, alguns dos guias de campo para outras áreas geográficas foram muito mais radicais.

a questão em si mesma tem levantado alguma controvérsia, porque ter diferentes maneiras de ordenar as famílias em guias diferentes pode se tornar confuso e há que defenda um sistema independente do cientificamente correto que está sempre a mudar... Very Happy

http://www.birdforum.net/showthread.php?t=224133

Olá Pedro, obrigado pela dica Very Happy
O mundo está em constante mudança e não podemos fazer nada quanto a isso.
A minha experiência de ver alguns guias, principalmente Espanhóis e Ingleses conseguia encontrar neles as aves que queria mesmo não sabendo os nomes na língua em que foram editados, exactamente porque a disposição era a mesma dos meus guias e como não sei todos os nomes científicos...........
Pois a mudança ainda que inevitável não recebe o meu apoio!

Cumprimentos

Inocêncio Oliveira

avatar
Inocêncio Oliveira

Número de Mensagens : 240
Idade : 52
Local : Vila do Conde
Data de inscrição : 25/01/2012

http://birdsofportugal.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Errata - 2ª Edição do Guia de Aves

Mensagem por Tissot em Qua Out 10, 2012 2:59 pm

Boas,

pedro121 escreveu:
Tissot escreveu:
Pág. 82. Garça-branca-grande (Casmerodius albus). Estatuto em Portugal: “I5/Ac/-“. Proposta de correcção: I5MP5/Ac/-. (nota: neste caso acho que também poderia ser considerada migradora de passagem rara).

Não sei se faz sentido, elas não passam por Portugal com outro destino.

Podes ter razão, mas limitei-me propor o estatuto de migrador de passagem após consulta da bibliografia que tenho comigo (que é pouca numerosa pale ), nomeadamente a bíblia ornitológica Smile Aves de Portugal - Ornitologia do Território Continental e o recente guia Aves de Portugal da Lynx, que indicam a espécie como migradora de passagem.


Carlos Vilhena escreveu:Viva,

Parabens pela paciência de fazer um "post" destes. Surprised
Penso que o estatuto da Narceja de Wilson Gallinago delicata nos Açores devia ser revisto também para invernante ou de passagem.


http://www.santohuberto.com/sh_conteudo.asp?id=1306

Cump

Boa, mais uma contribuição.


Luis Silva escreveu:
Tissot escreveu:Boas,


Pág. 86. Ibís (Plegadis falcinellus). Estatuto em Portugal: “MP4/Ac/Ac“. Proposta de correcção: I4MP4/Ac/Ac. (nota: neste caso acho que também poderia ser considerada invernante pouco comum).

Matthias

Esta também já se reproduz cá

Tem razão, pode ser considerada nidificante ocasional. Não propus nada porque não sei como indicar esse estatuto, seria R5 ou E5???

Agradeço as palavras de incentivo à colocação de mais observações, mas não irei muito mais longe com os parcos conhecimentos e experiência que tenho. Como disse inicialmente, limitei-me a comparar as notas que tinha colocado no anterior guia (versão britânica) e este novo guia em português.

No entanto espero a contribuição dos entendidos na matéria, à semelhança do que aconteceu na elaboração da errata para a versão britânica. O facto é que o nosso guia em português já reflecte as contribuições desta errata britânica, como podem constatar, se tiverem estas duas versões (a minha versão britânica é de 2009), nas diferenças que alguns mapas apresentam. Por exemplo, na pág. 30 e conforme indicação da errata britânica, podem constatar que para o mapa de distribuição do Zarro na versão portuguesa, a Islândia já não aparece como zona de nidificação para esta espécie.

Matthias
avatar
Tissot

Número de Mensagens : 1180
Idade : 45
Local : Amadora-Alfragide
Data de inscrição : 06/04/2009

http://www.flickr.com/photos/matthiastissot/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Errata - 2ª Edição do Guia de Aves

Mensagem por João Ferreira em Qui Out 11, 2012 8:17 am

A Andorinha-dáurica aparece -
As outras que dei conta já estão aqui descritas.
Abraço
João
avatar
João Ferreira

Número de Mensagens : 802
Idade : 46
Local : Vila Real
Data de inscrição : 21/12/2009

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Errata - 2ª Edição do Guia de Aves

Mensagem por Tissot em Sab Out 13, 2012 9:30 am

João Ferreira escreveu:A Andorinha-dáurica aparece -
As outras que dei conta já estão aqui descritas.
Abraço
João

Curiosamente foi a primeira gralha que detectei Very Happy

Matthias
avatar
Tissot

Número de Mensagens : 1180
Idade : 45
Local : Amadora-Alfragide
Data de inscrição : 06/04/2009

http://www.flickr.com/photos/matthiastissot/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Errata - 2ª Edição do Guia de Aves

Mensagem por Tissot em Sab Out 27, 2012 5:37 pm

Boas,

Mais algumas observações...

Pág. 20. Ganso-do-canadá (Branta canadensis). Na secção Identificação, linha 9, está “a baixo” e deveria estar “abaixo”.
Pág. 20. Ganso-marisco (Branta leucopsis). Na secção Identificação, linha 17, está “ifaceî” e deveria estar “ “face” ”.
Pág. 22. Tadorna (Tadorna tadorna). Na secção Identificação, linha 4, está “e patas relativamente longos” e deveria estar “e patas relativamente longas”. Na mesma secção, linha 12 está “ Maior que a ♂” deveria estar “ Maior que a ♀”. Na secção Voz, linha 2, está “da ♂, o ♀”, deveria estar “da ♀, o ♂”.
Pág. 24. Pato-real (Anas platyrhynchos). Na secção Voz, linha 2, está “irhaebi grave”, deveria estar “ “rhaeb” grave”.
Pág. 25. Estampa da Frisada. No juvenil na legenda está “greyish”, deveria estar “acinzentado”.
Pág. 32. Negrelho (Aythya marila). Na secção Identificação, linha 1, está “imensão”, deveria estar “Dimensão”. Na secção Voz, linha 5, está “da { assemelha-se ao da ♀ negrinha”, deveria estar “da ♀ assemelha-se ao da ♀ negrinha”
Pág. 32. Negrinha (Aythya fuligula). Na secção Voz, linha 5, está “de Aythya ñ”, deveria estar “de Aythya ñ”.
Pág. 48. Lagopo-ruivo (Lagopus l. lagopus). Na secção Identificação, linha 10, está “e a ♂ duas”, deveria estar “e a ♀ duas”
Pág. 54. Perdiz-mourisca (Alectoris barbara). Na secção Identificação, linha 5 refere que a espécie foi introduzida na Madeira, mas no estatuto está indicado um traço. O erro será da edição original ou do tradutor ???? Ou será que foi introduzida e posteriormente erradicada???
Pág. 63. Estampa da Mobelha-grande. Na legenda do 1º Ver. está indicado “esbarido”, deveria estar “esbatido”.
Pág. 68. Pombalete (Fulmarus glacialis). Estatuto colocado com letras em itálico.
Pág. 80. Garçote-comum (Ixobrychus minutus). Para a totalidade!!! da secção introdutória foi utilizada (repetida) a secção introdutória da espécie anterior, o Abetouro-americano.
Pág. 182. Famego. (Larus canus). Na secção Identificação, linha 3, remete para a gaivota-prateada como estando descrita na pág. 174 mas deveria indicar pág. 184.
Pág. 186. Gaivota-de-patas-amarelas (Larus michahellis). Na secção introdutória, linha 3, falta fechar o parêntese em “…espécie diferente).”
Pág. 188. Gaivotão-de-cabeça-preta (Larus ichthyaetus). Na secção introdutória, linha 2, está “de modo a permite” e deveria estar “de modo a permitir”. Na mesma secção, linha 4 está “adultos têm a cabeça sobretudo esbranquiçada.”, deveria estar “imaturos têm a cabeça sobretudo esbranquiçada.”
Pág. 266. Petinha-dos-prados (Anthus pratensis). Falta uma barra “/” entre o estatuto nos Açores e o estatuto para Madeira e Selvagens.

Matthias
avatar
Tissot

Número de Mensagens : 1180
Idade : 45
Local : Amadora-Alfragide
Data de inscrição : 06/04/2009

http://www.flickr.com/photos/matthiastissot/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Errata - 2ª Edição do Guia de Aves

Mensagem por PNicolau em Dom Out 28, 2012 1:48 pm

Tudo isto faz-me pensar se vale mesmo a pena comprar este guia.
Eu não tenho a versão inglesa, mas o preço é muito mais apelativo e não tem todas estas gralhas... Por isso estou a ponderar comprá-la.

Outra coisa com a qual não concordo é a nomenclatura de algumas das aves. Fiquei surpreendido quando vi que chamavam à escrevedeira-de-garganta-preta simplesmente escrevedeira. Não entendo qual o sentido.
avatar
PNicolau

Número de Mensagens : 5793
Idade : 24
Local : Lisboa
Data de inscrição : 28/12/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Errata - 2ª Edição do Guia de Aves

Mensagem por António Beira Alta em Dom Out 28, 2012 3:52 pm

PNicolau escreveu:Tudo isto faz-me pensar se vale mesmo a pena comprar este guia.
Eu não tenho a versão inglesa, mas o preço é muito mais apelativo e não tem todas estas gralhas... Por isso estou a ponderar comprá-la.

Outra coisa com a qual não concordo é a nomenclatura de algumas das aves. Fiquei surpreendido quando vi que chamavam à escrevedeira-de-garganta-preta simplesmente escrevedeira. Não entendo qual o sentido.

Curiosamente hoje ao chegar a essa secção também notei e achei estranho designarem a escrevedeira de garganta preta , apenas escrevedeira .
Já agora deixo também uma palavra de apreço ao Tissot pelo exaustivo trabalho na detecção das " gralhas " do livro .
avatar
António Beira Alta

Número de Mensagens : 1618
Idade : 41
Local : Guarda e arredores
Data de inscrição : 12/08/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Errata - 2ª Edição do Guia de Aves

Mensagem por Tissot em Dom Out 28, 2012 4:51 pm

Boas,

Eu tenho a edição britânica e mesmo com estas gralhas não teria hesitado em comprar a edição portuguesa. Como já disse, as gralhas corresponderão sempre a uma ínfima parte da obra total e a maioria das gralhas são fáceis de corrigir (no meu caso com uma simples caneta de acetato). Smile
A maioria das supostas gralhas que reportei relativamente ao estatuto das aves em Portugal são questionáveis e a interpretação do tradutor/autor português pode ser diferente da minha.
Para mim, mais grave, são gralhas como a que já reportei para a pág. 80 no Garçote-comum em que a totalidade da secção introdutória não existe (foi utilizada e repetida a secção introdutória da espécie anterior, o Abetouro-americano), privando o leitor de informações como as dimensões das aves e outros dados importantes.
Infelizmente encontrei mais duas gralhas deste tipo:

Pág. 100. Águia-calçada (Aquila pennata). A secção introdutória foi omitida, existindo no seu lugar a repetição da secção Voz da espécie descrita anteriormente, a Águia-cobreira.

Pág. 114. Açor-cantador (Melierax metabates). A secção introdutória foi omitida, existindo no seu lugar a repetição da secção Voz da espécie descrita anteriormente, o Gavião-do-levante.

Relativamente à designação da escrevedeira-de-garganta-preta como simplesmente escrevedeira, o facto pode ser explicado consultando a Lista Sistemática das Aves de Portugal Continental da SPEA, na qual é designada simplesmente por Escrevedeira, sendo colocado a seguir em parênteses “-de-garganta-preta”. Como o trabalho de tradução foi efectuado essencialmente por uma equipa da SPEA acho compreensível que utilizem as designações “oficiais” da associação. As designações comuns para as aves nem sempre são consensuais e num guia deste tipo não existe muito espaço para colocar outras designações. No entanto tiveram o cuidado de colocar outras designações comuns em algumas aves, como é o caso do Fura-bucho-do-atlântico (pág. 70), em que as designações empregues nos Açores e Madeira, Estapagado e Patagarro respectivamente, não foram esquecidas.

Matthias
avatar
Tissot

Número de Mensagens : 1180
Idade : 45
Local : Amadora-Alfragide
Data de inscrição : 06/04/2009

http://www.flickr.com/photos/matthiastissot/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Errata - 2ª Edição do Guia de Aves

Mensagem por Gonçalo Elias em Dom Out 28, 2012 6:19 pm

Tissot escreveu:Como o trabalho de tradução foi efectuado essencialmente por uma equipa da SPEA acho compreensível que utilizem as designações “oficiais” da associação.

Matthias,

Tanto quanto sei, a SPEA não tem designações "oficiais", ou seja, a lista que referes nunca foi formalmente adoptada pela associação como lista oficial.
avatar
Gonçalo Elias

Número de Mensagens : 20628
Idade : 50
Local : Sotavento
Data de inscrição : 14/06/2007

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Errata - 2ª Edição do Guia de Aves

Mensagem por Tissot em Seg Out 29, 2012 2:35 am

Gonçalo,

Tens toda a razão, por isso é que coloquei a palavra oficiais entre aspas.
Obrigado pela chamada de atenção, para que não haja equívocos.

Matthias
avatar
Tissot

Número de Mensagens : 1180
Idade : 45
Local : Amadora-Alfragide
Data de inscrição : 06/04/2009

http://www.flickr.com/photos/matthiastissot/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Errata - 2ª Edição do Guia de Aves

Mensagem por Tissot em Qua Out 31, 2012 8:22 pm

Boas,

Mais algumas observações...

Pág. 116. Peneireiro (Falco tinnunculus). Na secção Identificação, linha 22, está “♂ Juv. semelhante à ♀ ad.” e deveria estar “Juv. semelhante à ♀ ad.”.
Pág. 130. Abetarda (Otis tarda). Na secção introdutória, linha 2, está “♀ 3♀ - 5kg.” e deveria estar “♀ 3½ - 5kg.”.
Pág. 132. 4º parágrafo, linhas 7 e 8, está “(pp. 136-137)” e deveria estar “(pp. 146-147)”.
Pág. 132. 5º parágrafo, linha 1, está “(pp. 138-163)” e deveria estar “(pp. 148-173)”.
Pág. 132. Na secção Os primeiros passos, 3º parágrafo, linha 5, está “(pp. 138-153)” e deveria estar “(pp. 148-163)”.
Pág. 132. Na secção Os primeiros passos, 3º parágrafo, linha 11, está “(abordadas nas pp. 152-163 e mais duas nas pp. 142-143)” e deveria estar “(abordadas nas pp. 162-173 e mais duas nas pp. 152-153)”.
Pág. 134. Ostraceiro (Haematopus ostralegus). Na secção introdutória, linha 1, está “(incluindo o bico de 6 1/2-9)” e deveria estar “(incluindo o bico de 6½ -9)”.
Pág. 136. Perdiz-do-mar (Glareola pratincola). Na secção Identificação, linhas 11 e 12, está “(cf. também acidental raro, a perdiz-do-mar-oriental, p. 380)” e deveria estar “(cf. também acidental raro, a perdiz-do-mar-oriental, p. 412)”
Pág. 140. Borrelho-de-coleira-interrompida (Charadrius alexandrinus). Na secção introdutória, linhas 1 e 2, está “(sobretudo Mar/ /Out)” e deveria estar “(sobretudo Mar/Out)”.
Pág. 146. Abibe-do-índico (Vanellus indicus). A secção introdutória foi omitida, existindo no seu lugar a repetição da secção Voz da espécie descrita anteriormente, o Tui-tui-ferrão.
Pág. 150. Pilrito-de-peito-preto (Calidris alpina). Na secção Identificação, linhas 5 e 6, está “…são semelhantes aos das espécies da p. seg. …” e deveria estar “…são semelhantes aos das espécies da p. 152 …”, isto porque a página seguinte são as ilustrações das espécies descritas na página 150.
Pág. 151. Pilrito-de-bico-grosso (Limicola falcinellus). Na legenda da figura mais à direita está “escuro com riscas no dorso parecidas com a dos 3 primeiros pilritos da p. 152” e julgo que deveria estar “escuro com riscas no dorso parecidas com os pilritos da p. 152”. Isto porque me parece que o 4º pilrito apresenta igualmente um padrão semelhante.
Pág. 162. Na secção Limícolas acidentais, linha 2, está “… nas pp. 128-129, 134-135 e 142-143).” e deveria estar “… nas pp. 138-139, 144-145 e 152-153).”. Na mesma secção, na última linha está “…pp. 122 e 123.” e deveria estar “…pp. 132 e 133.”
Pág. 164. Pilrito-rasteirinho (Calidris pusilla). Na secção Identificação, linha 1, está “Compare com o pilrito-pequeno (pág. 142)…” e deveria estar “Compare com o pilrito-pequeno (pág. 152)…”.
Pág. 164. Pilrito-miúdo (Calidris mauri). Na secção Identificação, linha 1, está “Comparar com o pilrito-pequeno (p. 142)…” e deveria estar “Comparar com o pilrito-pequeno (p. 152)…”.
Pág. 164. Pilrito-de-pecoço-ruivo (Calidris ruficollis). Na secção Identificação, linha 1, está “Comparar com o pilrito-pequeno (p. 142)…” e deveria estar “Comparar com o pilrito-pequeno (p. 152)…”.
Pág. 190. Gaivotão-real (Larus marinus). Na secção Identificação, linha 9, está “…gaivota-prateada (p.174)…” e deveria estar “…gaivota-prateada (p.184)…”.
Pág. 214. Pombo-doméstico. Estatuto em Portugal: “-“. Não sei se é a indicação mais correcta porque assim corresponde a “sem registos em Portugal”.
Pág. 222. Bufo-real (Bubo bubo). Na secção Voz, linha 11, está “Alguns ♂♂ são mais somoros…” e deveria estar “Alguns ♂♂ são mais sonoros…”.
Pág. 224. Coruja-dos-urales (Strix uralensis). Na secção Voz, linha 1, está “A ♂ emite…” e deveria estar “O ♂ emite…”.
Pág. 224. Coruja-das-neves (Bubo scandiacus). Na secção Voz, última linha, está “…como a ♂ mas mais ténue.” e deveria estar “…como a ♀ mas mais ténue.”
Pág. 244. Pica-pau-dos-balcãs (Dendrocopos syriacus). Na secção Identificação, linhas 20 e 21 está “♀ tem muitas vezes…” e deveria estar “♂ tem muitas vezes…”
Pág. 256. A designação comum dada à calhandra Alaemon alaudipes deveria ser Calhandra-de-bico-curvo e não Calhandra-de-bico-curto.
Pág. 304. Toutinegra-barrada (Sylvia nisoria). Na secção Identificação, linhas 6 e 7 está “-} ad./♀ 1º ano: assemelham-se ao ♀ ad.” e deveria estar “- ad. ♀/ ♂ 1º ano: assemelham-se ao ♂ ad.”.
Pág. 306. Toutinegra-real-ocidental (Sylvia hortensis). Na secção Identificação, antepenúltima e penúltima linha, está “mas tem cabeça sem qualquer preto, cinzento-acastanhada (♂) ou cinzento-acastanhada e íris sempre escura.” e deveria estar “
“mas tem cabeça sem qualquer preto, é cinzento-acastanhada, e íris sempre escura.”.
Pág. 310. Toutinegra-do-deserto-asiática (Sylvia nana). Na secção Identificação, linha 1 está “Pequena. O habitat, artes superiores cor-de-areia…”  e deveria estar “Pequena. O habitat, partes superiores cor-de-areia…”. Na secção Voz, linha 5, faltou colocar entre aspas a caracterização do canto.
Pág. 318. Rouxinol-bravo (Cettia cetti). A secção introdutória foi omitida, existindo no seu lugar a repetição da secção Voz da espécie descrita anteriormente, a Cigarrinha-ruiva. Na secção Voz, faltou traduzir uma última parte para caracterizar a vocalização desta espécie: (or, why not: “Listen!... What’s my name? … Cetti-Cetti-Cetti – That’s it!).
Pág. 328. Felosa-musical (Phylloscopus trochilus). Na secção Voz, linha 6, faltou colocar aspas no início da caracterização do canto.
Pág. 334. Felosa-listada-de-hume (Phylloscopus humei). Na secção Voz, linha 7, faltou colocar aspas no início da caracterização do canto e fechar parênteses no fim do canto.
Pág. 334. Felosa-de-pallas (Phylloscopus proregulus). Na secção introdutória foi mantida uma primeira linha em inglês.
Pág. 431. No índice remissivo corrigir Calhandra-de-bico-curto para Calhandra-de-bico-curvo.

Matthias


Última edição por Tissot em Sab Nov 07, 2015 3:16 am, editado 1 vez(es)
avatar
Tissot

Número de Mensagens : 1180
Idade : 45
Local : Amadora-Alfragide
Data de inscrição : 06/04/2009

http://www.flickr.com/photos/matthiastissot/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Errata - 2ª Edição do Guia de Aves

Mensagem por Tissot em Seg Nov 05, 2012 4:03 pm

PNicolau escreveu: Outra coisa com a qual não concordo é a nomenclatura de algumas das aves. Fiquei surpreendido quando vi que chamavam à escrevedeira-de-garganta-preta simplesmente escrevedeira. Não entendo qual o sentido.

A resposta para a nomenclatura utilizada para as designações comuns das aves vem afinal explicada na introdução do livro: Smile Smile Smile Smile

" No que diz respeito aos nomes vulgares, nesta versão portuguesa optou-se por utilizar como referência o livro Nomes Portugueses das Aves do Paleárctico Ocidental (Costa et al.2000), com algumas excepções no caso das aves marinhas".

Como não tenho este livro não posso confirmar se adoptaram efectivamente o nome vulgar utilizada no livro para a Emberiza cirlus.

Matthias
avatar
Tissot

Número de Mensagens : 1180
Idade : 45
Local : Amadora-Alfragide
Data de inscrição : 06/04/2009

http://www.flickr.com/photos/matthiastissot/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Errata - 2ª Edição do Guia de Aves

Mensagem por Tissot em Seg Nov 05, 2012 4:15 pm

Boas,

Seguem mais algumas observações:

Pág. 162. Falaropo-de-bico-fino (Phalaropus lobatus). No estatuto em Portugal falta um c no Ac para o estatuto na Madeira e Selvagens.
Pág. 256. Corrigir no mapa de distribuição da espécie de Calhandra-de-bico-curto para
Calhandra-de-bico-curvo.
Pág. 296. Melro (Turdus merula). Na secção introdutória, última linha, remete erradamente para observação do mapa da distribuição da espécie para a p.278. O mapa encontra-se na mesma página com a descrição da espécie. Na secção Voz, última linha, remete erradamente para a p. 274 para comparação da vocalização do Melro com a Tordoveia, mas a página correcta é a 294.
Pág. 296. Melro-de-colar (Turdus torquatus). Na secção introdutória, última linha, remete erradamente para observação do mapa da distribuição da espécie para a p. 278. O mapa encontra-se na mesma página com a descrição da espécie.
Pág. 336. Bis-bis (Regulus madeirencis). Na secção Identificação, penúltima linha, está “- { tem coloração laranja…” e deveria estar “- ♂ tem coloração laranja…”.
Pág. 338. Papa-moscas-real-oriental (Ficedula albicilla). Na secção Identificação, linha 13, está “- 1 Ver ♂: idêntico ao adulto…” e deveria estar “- 1º Ver ♂: idêntico ao adulto…”.
Pág. 340. Papa-moscas-de-colar (Ficedula albicollis). Na secção Identificação, linha 7, está “- ♂ e 1º Inv.: como o papa-moscas-comum…” e deveria estar “- ♀ e 1º Inv.: como o papa-moscas-comum…”
Pág. 342. Chapim-azul (Cyanistes caeruleus). Na secção Identificação, última linha, está “({ tem cores em geral um pouco menos vivas).” e deveria estar “(♀ tem cores em geral um pouco menos vivas).”.
Pág. 362. Gaio (Garrulus glandarius). No estatuto em Portugal está um parêntese a mais no final.
Pág. 366. Gralha-preta (Corvus corone). No estatuto em Portugal está um parêntese a mais no final.
Pág. 380. Verdilhão (Chloris chloris). Na secção Voz, penúltima linha, falta fechar parênteses no exemplo dado.
Pág. 386. Cruza-bico (Loxia curvirostra). No estatuto em Portugal está um parêntese a mais no final.
Pág. 388. Peito-carmim (Carpodacus erythrinus). No estatuto em Portugal está um parêntese a mais no final.
Pág. 398. Escrevedeira-amarela (Emberiza cocitrinella). No estatuto em Portugal está um parêntese a mais no final. Na secção Voz, na linha 5, falta fechar parênteses no exemplo dado.
Pág. 420. O nome comum para designação de Andorinha-das-árvores (Tachycineta bicolor) está “Andorinha-das-aves”.

Matthias
avatar
Tissot

Número de Mensagens : 1180
Idade : 45
Local : Amadora-Alfragide
Data de inscrição : 06/04/2009

http://www.flickr.com/photos/matthiastissot/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Errata - 2ª Edição do Guia de Aves

Mensagem por Gonçalo Elias em Seg Nov 05, 2012 4:21 pm

Tissot escreveu:
Como não tenho este livro não posso confirmar se adoptaram efectivamente o nome vulgar utilizada no livro para a Emberiza cirlus.

Matthias

O livro em questão propõe efectivamente o nome escrevedeira.

MAS:

tem uma nota a dizer isto: "sempre que, por qualquer motivo, se torne necessário usar um descritivo para distinguir esta espécie de outras do mesmo género, deverá acrescentar-se o termo «de-garganta-amarela» ao nome indicado na lista.

O mesmo acontece com uma série de outras espécies, que têm notas contendo descritivos, que devem (sic!) ser usados sempre que haja possibilidade de confusão com espécies semelhantes.

A sensação com que fico é que quem colocou os nomes no livro se limitou a seguir a lista e não olhou para as notas... Rolling Eyes
avatar
Gonçalo Elias

Número de Mensagens : 20628
Idade : 50
Local : Sotavento
Data de inscrição : 14/06/2007

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Errata - 2ª Edição do Guia de Aves

Mensagem por Gonçalo Elias em Seg Nov 05, 2012 4:25 pm

Matthias,

Umas questões:

Tissot escreveu:
Pág. 336. Bis-bis (Regulus madeirencis). Na secção Identificação, penúltima linha, está “- { tem coloração laranja…” e deveria estar “- ♂ tem coloração laranja…”.

Está lá mesmo madeirencis? É que deveria ser madeirensis...

Tissot escreveu:Pág. 342. Chapim-azul (Cyanistes caeruleus). Na secção Identificação, última linha, está “({ tem cores em geral um pouco menos vivas).” e deveria estar “(♀ tem cores em geral um pouco menos vivas).”.

Hum... a AERC não considera o género Cyanistes. Consegues confirmar qual a taxonomia seguida pelo guia?

Tissot escreveu:Pág. 398. Escrevedeira-amarela (Emberiza cocitrinella)

Deveria ser citrinella... como é que aparece no guia exactamente?

1 abraço,
Gonçalo
avatar
Gonçalo Elias

Número de Mensagens : 20628
Idade : 50
Local : Sotavento
Data de inscrição : 14/06/2007

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Errata - 2ª Edição do Guia de Aves

Mensagem por Tissot em Seg Nov 05, 2012 4:46 pm

Boas Gonçalo,

Segue a errata Smile das minhas observações:

1 - Tens razão está madeirensis, o engano é meu…
2 - Aqui não me enganei, está mesmo Cyanistes ...
3 - Aqui o engano foi meu novamente, está citrinella.

Matthias
avatar
Tissot

Número de Mensagens : 1180
Idade : 45
Local : Amadora-Alfragide
Data de inscrição : 06/04/2009

http://www.flickr.com/photos/matthiastissot/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Errata - 2ª Edição do Guia de Aves

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 5 1, 2, 3, 4, 5  Seguinte

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum