Fórum Aves
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.

Zona ribeirinha de Tavira tem quatro projetos de requalificação

Ir em baixo

Zona ribeirinha de Tavira tem quatro projetos de requalificação Empty Zona ribeirinha de Tavira tem quatro projetos de requalificação

Mensagem por jheitor Qui Jul 19, 2012 2:16 am

Zona ribeirinha de Tavira tem quatro projetos de requalificação

fonte : barlavento.pt/

A Sociedade Polis Litoral Ria Formosa tem previstos quatro projetos de requalificação de zonas ribeirinhas e balneares no concelho de Tavira, cuja apresentação decorreu na Biblioteca Municipal Álvaro de Campos.

A requalificação das Quatro Águas; a beneficiação das margens do Arraial Ferreira Neto e Ilha de Tavira; a intervenção e requalificação da Ilha de Tavira e a reabilitação paisagística da ligação da marginal de Santa Luzia a Pedras d’El Rei são os projetos no concelho de Tavira e que estão em fase final de aprovação.

Para o edil tavirense «a concretização destes projetos é uma aspiração de há muitos anos, juntamente, com a necessidade de se construir o porto de pesca, cuja empreitada encontra-se em fase de adjudicação, aguardando parecer favorável do Governo».

Valentina Calixto fez uma exposição acerca das competências e áreas de intervenção da sociedade a que preside e relembrou que a ação desta entidade consiste nos seguintes eixos prioritários: proteger e requalificar a zona costeira, prevenir e defender riscos naturais, qualificar a interface ribeirinha, assim como valorizar os recursos como fator de competitividade.

Após a fase introdutória, os técnicos responsáveis pelos projetos iniciaram as suas exposições. A apresentação do projeto de requalificação das Quatro Águas foi da responsabilidade de Ana Paula Carvalho, arquiteta paisagista.

A intervenção pensada para este local implica a criação de infraestruturas direcionadas para a atividade náutica e a construção de cais que assegurem a ligação entre a cidade e a ilha. A par disso, prevê-se a requalificação de espaços e equipamentos públicos, bem como a reestruturação das acessibilidades e do estacionamento. Está, também, prevista a criação de uma rede pedonal e ciclável e, consequentemente, passeios ribeirinhos.

A apresentação do projeto de requalificação das margens do Arraial Ferreira Neto e da Ilha de Tavira ficou a cargo de Paulo Simões, arquiteto paisagista (Rio Plano). A intervenção proposta para o local passa pela requalificação ambiental e paisagística de zonas degradadas, assim como pela valorização de equipamentos e serviços existentes.

O projeto contempla a potenciação dos locais de embarque e desembarque, assim como de cargas e descargas; a beneficiação do parque de merendas, através da inclusão de mesas e churrasqueira; a reabilitação do cais de serviço que integra um ancoradouro, uma estrutura de armazenamento de resíduos sólidos e a criação de uma rampa de acesso.

No que se refere ao espaço em torno do Hotel Vila Galé Albacora está pensado um parque de estacionamento com zona de apoio e a renaturalização da área intervencionada.

Os arquitetos João Ferrão e João Costa Ribeiro (consórcio Extrastudio / Oficina dos Jardins) deram a conhecer o plano de intervenção e requalificação da Ilha de Tavira, o qual contempla a reestruturação dos estabelecimentos de restauração, a requalificação do espaço público, designadamente, o percurso de acesso entre o cais de embarque e a praia, assim como a recuperação e renaturalização de áreas degradadas ou desocupadas (ex.: acessibilidades, descompactação do solo, recuperação dunar, plantação de espécies vegetais e instalação de paliçadas).

Miguel Marques Pereira, arquiteto paisagista (Land Design – Paisagismo e Ambiente, LDA), expôs o projeto de requalificação paisagística da ligação da marginal de Santa Luzia a Pedras d'El Rei. Em fase mais adiantada, este projeto já foi alvo de candidatura por parte da Sociedade Polis ao Programa Operacional Regional.

Atualmente, a frente de Ria, entre Santa Luzia e Pedras d'El Rei, é utilizada como elo de ligação entre estes dois núcleos, sendo que a mesma é feita em condições pouco adequadas.

Neste sentido, a presente ação visa a valorização da zona por intermédio da criação de passeios com inclusão de zonas de estadia e de mobiliário urbano, locais de estacionamento, nomeadamente, junto ao acesso da praia do Barril, e o enquadramento com a envolvente lagunar.

Complementarmente, deverá ser considerada a valorização dos apoios de pesca na marginal de Santa Luzia, o enquadramento do campo de futebol e os usos pedonais e cicláveis ao longo do percurso.

Globalmente, estes projetos representam um investimento público e privado de €9.958 milhões de euros, acrescidos de IVA à taxa legal em vigor, prevendo a administração da Sociedade Polis que os primeiros trabalhos arranquem até ao final do corrente ano.

19 de Julho de 2012 | 07:47

jheitor
jheitor

Número de Mensagens : 11723
Idade : 58
Local : cacem
Data de inscrição : 25/12/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão neste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum